CIRURGIA PLÁSTICA

As queimaduras são lesões, geralmente restritas à pele, decorrentes da liberação de energia na forma de calor junto ao corpo. Variam muito de importância e gravidade, dependendo do agente causador, que pode ser líquido aquecido, fogo, álcool, gasolina e querosene incandescentes e outros agentes químicos, como a eletricidade, entre outros. O tempo de contato deste agente com o corpo, assim como a extensão do corpo atingida e o tempo transcorrido entre o acidente e o primeiro socorro, são fatores que podem influenciar no tipo e extensão do problema.

A causa mais comum é a queimadura por líquidos aquecidos (água, leite, café, gordura quentes), geralmente em casa e na cozinha. Crianças, infelizmente, são as mais acometidas neste tipo de acidente. Em segundo lugar vem os acidentes causados pelo álcool incandescente. Estes são sempre graves e acontecem, geralmente, nas churrasqueiras, fogueiras, acampamentos, etc. De igual importância, as queimaduras causadas pelo fogo direto no corpo merecem cuidados especiais em centros de referência em atendimento a queimados.

Existe também a queimadura elétrica, muito grave, que pode acometer a pele, tecido gorduroso, músculos e ossos. É causada pela transformação da energia radiante em calor e, devido aos riscos de complicações, como arritmias cardíacas ou convulsões, podem causar morte no local do acidente.

As queimaduras decorrentes da ação cáustica aguda provocadas por um determinado agente químico são de grande importância e gravidade. Por isso é fundamental o mais rápido atendimento por médicos especializados, de preferência em centros de referência. Essas queimaduras são, no entanto, mais raras em nosso meio.

Fonte – (www.cirurgiaplastica.org.br)


VEJA TAMBÉM